Valdemar Ferreira Ribeiro
...Navegando  nos Mares  do  Sul  ...  Observando  o  Norte
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


AS CIVILIZAÇÕES E DEMOCRACIAS OCIDENTAL E AFRICANA

Muitas vezes, uma grande parte das populações da civilização ocidental define as realidades sociais das outras civilizações mundiais segundo perspetivas ou lógicas ocidentais , esquecendo os ensinamentos profundos de um dos pensadores maiores chamado Einstein que ensinou que se deve observar as realidades do mundo físico e psíquico considerando a amplitude de suas relatividades .

Os conceitos de bom ou mau, de feio ou bonito , de certo ou errado, de feliz ou infeliz , e todos os outros conceitos de opostos inerentes ao pensamento humano devem sempre ser considerados segundo uma perspetiva relativa pois estes conceitos são simplesmente visões parciais , teóricas , de infinitas realidades.

Quer isto dizer que todos os conceitos são relativos pois são apenas pequenas partes de um conjunto universal de realidades e nenhum conceito pode ser considerado como algo independente, pronto, acabado, separado ou isolado do conjunto .

Esclarecido isto como principio de uma lógica de visão profunda universal e como base fundamental de uma análise o mais correta possível, pode-se então tentar entender a civilização ocidental, seus desequilíbrios e erros ao penetrar e agir sem pedir licença em outras civilizações e querendo impor os seus conceitos de certo ou errado, bom ou mau, bonito ou feio segundo seus interesses ou segundo sua lógica ocidental, esquecendo o principio fundamental da relatividade de tudo descoberto pelo cientista Einstein  e que permite uma inteligência mais profunda .

Podemos exemplificar os comportamentos desequilibrados das sociedades ocidentais, quando ao abrir caminhos novos por mares nunca dantes navegados e ao encontrar outras civilizações com costumes muito diferenciados dos seus , imediatamente definiu e conceituou esses costumes como bárbaros ou inferiores só porque eram diferentes dos seus ou porque não lhes agradou ou ficaram envergonhados dentro de suas mentes supostamente rebuscadas e de farpas aguçadas e valores induzidos no chicote imposto pela força do magote .

Só porque os povos da África Austral viviam nus pois tinham um clima excelente, isso foi considerado um modo de vida inferior pelos ocidentais quando na verdade era exatamente o oposto, estes povos africanos por terem um clima excelente e uma alimentação rica e abundante tinham corpos saudáveis e boa aparência contrariamente aos povos ocidentais que cobriam exageradamente seus corpos e não eram energizados pelo sol pois o clima aonde viviam era frio e desagradável .

A civilização ocidental considera-se a si própria, muitas vezes, como sociedade humana superior sem ter em conta a relatividade das realidades do mundo .

O que é certo ou errado para uns pode não ser para os outros , depende muito de todo um conjunto de realidades envolventes e a sociedade ocidental age muitas vezes como uma sociedade não sapiente .

A civilização ocidental não demonstra sabedoria quando não respeita os valores sociais das outras civilizações e tão pouco respeita seus próprios valores quando não considera como fundamental uma realidade ecológica mais equilibrada nos seus espaços e no dos outros pois tudo o que ela destrói ao seu redor afeta os outros em geral .

Quando a sociedade ocidental considerou o modus vivendi espiritual e psíquico das outras sociedades como inferior ao seu , gerou-se daí uma série de procedimentos que quebraram a evolução equilibrada destas sociedades e da própria civilização ocidental pois em vez de enriquecer  culturalmente caminhou empobrecendo e desequilibrando as culturas ao redor .

Hoje em dia , devido a uma maior informação on-line , é possível saber e comparar as diferentes civilizações humanas e não se pode afirmar que a civilização ocidental seja a mais evoluída no geral ou seja mais evoluída do que as sociedades tribais ainda naturais , tais como as tribos do Amazonas ou as tribos africanas ainda originais .

Se considerarmos os conceitos sobre equilíbrio ecológico e espiritual, feliz ou infeliz, harmonia ou desarmonia, e outros , certamente a sociedade ocidental , numa grande parte de sua população , está em patamares inferiores relativamente às sociedades tribais naturais .

Portanto , é necessário cautela  e  considerar as relatividades de todas as situações e os aspetos próprios de cada uma das civilizações humanas para que haja uma visão não redutora , uma visão mais realista e ampla , e desse modo possa haver um maior respeito entre as diferentes civilizações e sua evolução .

Falando-se agora de democracia para se entender melhor a cultura ocidental, muitos dos cidadãos que constituem a civilização ocidental ainda não percecionam claramente os diferentes conceitos sobre democracia, suas relatividades .

O conceito de democracia , na civilização ocidental , também é utilizado para servir interesses de lógicas pessoais , interesses de lógica não universal e muitas vezes tenta-se exportar para outras civilizações esses conceitos à ocidental .

O conceito de democracia é muito relativo e sua prática também e veja-se como exemplo a nação Dinamarquesa e a nação Portuguesa :

- Na Dinamarca há uma união bem identificada e perfeitamente clarificada entre os seus cidadãos que se reflete na maneira como se organizam e funcionam política e administrativamente no sentido de um bem comum nacional e respeito pela individualidade de cada cidadão inserido democraticamente num todo social .

- Em Portugal esta união é menos clara e não se reflete tão profundamente na sua organização política e administrativa e em objetivos comuns .

É possível constatar isso nas embaixadas destas duas nações :  - enquanto o cidadão dinamarquês comum ao utilizar os serviços de suas embaixadas é tratado como um cidadão com plenos direitos e com grande respeito , já nas embaixadas portuguesas os cidadãos comuns , que não pertencem ao Governo, são tratados de uma forma por vezes vulgar e nem sempre se sentem cidadãos de plenos direitos e plenamente respeitados .

Esta comparação reflete claramente as diferenças de atitudes democráticas nas organizações governamentais , dentro das diferentes sociedades da civilização ocidental .

Se for analisada as diferenças democráticas entre os países mais desenvolvidos e menos desenvolvidos dentro das sociedades ocidentais , constata-se que os conceitos de democracia , por vezes , são até contraditórios     e tanto é assim que , muitas vezes , as leis referentes aos mesmos assuntos dentro destes países são elaboradas de maneira conceitualmente opostas .

Uma das grandes dificuldades dentro da Europa para se construir uma Constituição Europeia comum   é exatamente a maneira como as leis devem ser elaboradas e interpretadas pois os países mais desenvolvidos afirmam que não há necessidade de se elaborarem certas leis pois são redundantes ou desnecessárias e até contraditórias com a verdadeira democracia , enquanto em outros países há visões contrárias .

Os conceitos de democracia são diferentes em cada uma das sociedades humanas e o que é bom para uma pode não ser o melhor para a outra .
.
Falando agora  da civilização africana , é importante perceber como se regem as leis sociais autótones desde os tempos mais antigos .

Não se pode esquecer que os humanos têm uma ascendência comum denominada " Australopithecus "  e as civilizações humanas desenvolveram-se a partir daí . conforme comprova a ciência moderna .

É importante notar que as ascendências e descendências sanguíneas têm uma preponderância considerável nas sociedades africanas  ainda hoje , mesmo diante da globalização atual .

As sociedades africanas felizmente também se regem pela figura do " mais velho " , aquela pessoa mais velha que geralmente é o mais sapiente  e  é  o conselheiro devido à sua maior experiência da vida .

O respeito pela figura do " mais velho " desapareceu muito em muitos países da civilização ocidental pois nestas sociedades de hoje o que mais importa é o domínio e manejo da informação e os " mais velhos " tornaram-se , muitas vezes , menos informados devido a não dominarem a tecnologia da informação atual e por isso facilmente , sem pesos de consciência , são jogados em asilos ou lares para idosos isolando-os para não incomodarem e porque já pouca falta fazem .

A figura de respeito pelo "mais velho " desapareceu muito da civilização ocidental de um modo geral e os padrões éticos também mudaram .

Na África Austral , que é a África da qual podemos falar pois aqui labutamos diariamente , os "mais velhos " normalmente têm uma atitude perante a vida mais calma , mais abrangente , mais cautelosa e por isso geralmente exercem funções de responsabilidade e respeitabilidade .

É  importante considerar isso e muitas das pessoas da civilização ocidental esquecem deste importante pormenor ao contatar com a civilização africana ou ao se pronunciarem sobre ela .

Muitas pessoas da sociedade ocidental acham que dominam e sabem quais os melhores caminhos para a sociedade africana em especial , demonstrando nisso falta de sabedoria e desde o século XIV tem ocorrido muito este tipo de atitude desequilibrada ou seja , falta de respeito pelos valores sociais das outras civilizações .

Muitas das pessoas da sociedade ocidental , sentados nas suas varandas mentais e achando que abarcam o mundo dali e sabem os melhores caminhos da humanidade , insistem em querer determinar o caminhar das outras civilizações .

É preciso respeitar mais e deixar que a sociedade africana , que hoje também é uma sociedade mais madura e cosmopolita , vá escolhendo e definindo seus caminhos , não caminhos impostos do exterior mas construídos por si pois os caminhos se constrõem fazendo e não existem caminhos prontos ou milagrosos .

Não se pode esquecer , sem complexos de superioridade ou inferioridade , as realidades desequilibradas que a sociedade ocidental impôs aos africanos desde o século XIV e a falta de respeito que esta sociedade ocidental teve ao não pedir licença para entrar em território africano de praias , florestas e ninfas , universos felizes .

É preciso não esquecer que as tribos da África Austral viviam em territórios fartos de alimento e clima extremamente bondoso , como até hoje , e estes povos são pacíficos mas guerreiros e foi nesta região que nasceram os primeiros humanos Australophitecus que colonizaram o planeta e deram origem às restantes civilizações humanas .

Espera-se que a civilização ocidental seja mais cautelosa neste século XXI .

Valdemar F. Ribeiro
Século XXI - Angola


[ Imagem colhida na Net - Civilização Africana]
Valdemar Ribeiro
Enviado por Valdemar Ribeiro em 24/09/2008
Alterado em 31/10/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.