Valdemar Ferreira Ribeiro
...Navegando  nos Mares  do  Sul  ...  Observando  o  Norte
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

ANGOLA DE ONTEM E DE HOJE 
 

Por volta do ano de 1990  a paz entre a UNITA e MPLA foi assinada e iniciou-se  primeiro processo eleitoral angolano. 
 
Muitos empresários começaram a investir com toda a força em Angola pois muitos   queriam    acreditar que era possível a paz .
 
Entretanto, a UNITA perdeu as eleições .
 
Uns dias antes de recomeçar uma nova e violenta guerra em Angola , 1992 , na cidade do Lubango notava-se uma movimentação estranha de carros transportando tropas com aspecto de guerrilheiros da Unita   em atitude de guerra .
 
Ninguém quis acreditar no que via mas os sinais de guerra eram evidentes   e foi o que aconteceu   logo em seguida . 
 
E esta nova guerra só terminou em 2002.
 
Hoje estamos em 2008   e a paz em Angola já tem mais de cinco anos .
 
Das muitas Organizações candidatas a serem partidos políticos , apenas catorze preencheram os requisitos mínimos necessários para se legalizarem como partidos e concorrerem às eleições democráticas .
 
Estas Organizações políticas estão a fazer campanhas políticas   pelo país aparentemente de maneira totalmente livre e ordeira .
 
Os   discursos nos comícios políticos e na mídia são de apaziguamento e unidade nacional   e dão claros sinais de que as Eleições em Angola serão transparentes , livres e pacíficas , denotando isso um amadurecimento político muito grande do povo angolano , na sua maioria ,   e a certeza de um caminhar mais equilibrado rumo ao desenvolvimento que muitos almejam , dentro e fora do país .
 
Comparando as duas situações, 1992 e 2008 , os sinais são claramente opostos e , desta vez , as atitudes dos partidos políticos e outras organizações em geral dão sinais claros de um grande amadurecimento, clareza de espírito e   objectivos pacíficos .
 
Muitos dos estrangeiros e seus familiares ausentaram-se de Angola nesta época de eleições e nota-se muito claramente isso nas ruas com a diminuição de circulação de carros de mais de trinta por cento ,    na área urbana da cidade de Luanda .
 
Nos bairros fora do centro urbano a circulação automóvel pouco se alterou .
 
Nesta época do ano é normal muitas pessoas ausentarem-se do país em virtude do verão na Europa mas é notória uma ausência maior de pessoas devido às eleições em Angola  , na grande maioria estrangeiros .
 
A maior parte dos angolanos , por aqui ,  continuam tranquilos e a movimentação de pessoas e bens é  pacífica tanto na cidade de Luanda como nas estradas em direcção às outras Províncias   e pode-se viajar de carro com segurança em qualquer hora do dia ou da noite para qualquer ponto do país , com certeza .
 
A não ser alguns acidentes rodoviários graves por motivo de melhoramento das estradas   e maiores velocidades .
 
Nota-se algum policiamento nas ruas da cidade de Luanda mas isso tem sido normal nos últimos anos.e pouco se alterou   e a policia de trânsito melhorou bastante , comparativamente ao passado .
 
Há uma orientação por parte do Governo de Angola para que todos os cidadãos tenham uma atitude de unidade nacional e exemplar .
 
É possível constatar uma boa e real organização das eleições , inclusive   através da Internet , com fácil acesso à informações on-line.
 
E Angola está de parabéns pois, por si, está a conseguir  construir   caminhos para o  seu desenvolvimento , apesar das permanentes dificuldades conjunturais e estruturais internacionais .
 
Os países lusófonos terão muito a ganhar com Angola .

 
Valdemar Ribeiro
Enviado por Valdemar Ribeiro em 06/08/2010
Alterado em 23/10/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (citar autoria de Valdemar Ferreira Ribeiro e o site www.valdemarferreiraribeiro.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.